Pesquisar este Blog

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Tudo Na Vida é Emprestado



Pensemos: o que de fato nos pertence?
Dinheiro, bens, títulos? Acha mesmo que te pertencem?
Tudo transitório, assim como a vida!

Hoje você pode usufruir, amanhã talvez não. Quantos ricos, estáveis financeiramente, já não pudermos acompanhar a decaída financeira? A prova de que nada lhes pertencia, assim como Deus empresta, pode pegar de volta...

Nem mesmo o nosso corpo nos pertence, foi-nos emprestado para cumprirmos com os nossos deveres aqui na Terra, é fácil ouvir pessoas falarem: "O corpo é meu e faço dele o que quiser!" Será?
Tanto não é, que quando chega nossa hora de nos despedirmos da vida aqui, o espírito o abandona, como uma roupa que não lhe serve mais, e o mesmo vai parar debaixo da terra.

Chegamos ao mundo sem nada possuir, e voltaremos ao mundo espiritual, igualmente sem nada possuir!

Então, o que nos pertence?

As conquistas do espírito, que são: as virtudes, os valores morais, a sabedoria, a inteligência, as experiências adquiridas! São as riquezas da qual Jesus falou, onde as traças e nem a ferrugem corroem, e nem os ladrões podem roubá-las. Você pode escolher batalhar por um tesouro que vale muito, ou por um tesouro que não vale nada!

Você pode ser grande na Terra, mas talvez seja pequeno no Céu. Assim como quem é pequeno na Terra, pode ser grande no Céu. Hoje você humilha alguém, e se sente superior por possuir boa condição financeira ou por qualquer outro motivo. Mas no mundo espiritual, existe uma hierarquia diferentemente da Terra, baseado no adiantamento moral de cada um, quem lhe garante que um dia não poderás te encontrar subordinado a aquele a quem humilha ou olha com desdem?

Não te apegues e nem te envaideças do que possuis, o apego, o orgulho, a vaidade, o sentimento de superioridade, são armas poderosas a contribuir para a tua derrocada moral. E depois de afundares num lamaçal de equívocos e sofrimentos inimagináveis, deste é muito difícil sair.

Tudo aquilo que é transitório, que não nos acompanha na eternidade, não é nosso, foi emprestado pelo Criador, para fazermos o melhor uso possível desses dons. Deus não dá a riqueza para que você viva futilmente e se entregue a ociosidade, ostentando e esbanjando sem limites, se preocupando com banalidades, entregue a uma vida vazia espiritualmente e sem utilidade. Fomos criados para servir, não para sermos servidos. Tudo lhes é emprestado para que possam cumprir com sua missão. Mas nem sempre conseguem cumpri-la a gosto. Quem possui riqueza com certeza passa por uma provação muito difícil, pois na maioria das vezes não escapam das armadilhas que o orgulho e o apego pregam, lhes constituindo enorme pesar quando se vêem livres do envoltório material.

Nenhum comentário:


“Os guerreiros se preparam para serem conscientes, e a total consciência vem a eles somente quando não há mais nenhuma auto-importância restando neles. Somente quando eles são nada é que eles se tornam tudo.” Carlos Castaneda