Pesquisar este Blog

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Jesus Cristo na Visão do Espiritismo


Conheça a verdadeira importância de Jesus Cristo, o espírito mais evoluído que já encarnou nesse planeta, para a doutrina espírita
Texto • Erica Franquilino
 
“Ele não nos oferece o reino dos céus... Nos oferece a paz de consciência”. As palavras são de uma senhora de 75 anos, que teve os primeiros contatos com o espiritismo pelas mãos da mãe, aos 11 anos de idade. Ana Gaspar, fundadora do Centro Espírita Nosso Lar – Casas André Luiz, em São Paulo, explica como a vida de Jesus Cristo, seus ensinamentos e suas palavras, norteiam a doutrina espírita.

O Sono e os Sonhos


Chama-se emancipação da alma, o desprendimento do espírito encarnado, possibilitando-lhe afastar-se momentaneamente do corpo físico. No estado de emancipação da alma, o espírito se desloca do corpo físico, os laços que o unem à matéria ficam mais ténues, mais flexíveis e o corpo perispiritual age com maior liberdade.

Notícias de Entes Queridos Desencarnados


“Caros irmãos! Estou aqui para tentar esclarecer alguns pontos.

Muitos andam em busca de notícias dos entes amados que já não se encontram mais entre vós e sim entre nós. Muitos colocam toda a sua fé numa linha que seja e que os façam reconhecer o ser amado.

Mas, nem sempre ela vem. Nem sempre temos notícias de quem se foi. E isso depende muito de vários fatores. Depende de merecimento, de condições psíquicas, de condições de saber como lidar com esta notícia.

Aspectos da Vida dos Recém-Desencarnados


"À proporção que se liberta, a alma encontra-se numa situação 
comparável àquele que desperta de profundo sono. Bem diverso é, 
contudo, esse despertar".
Allan Kardec

domingo, 18 de agosto de 2013

A Reencarnação Não Está Na Bíblia?


Na verdade, em várias passagens bíblicas há claras referências da REENCARNAÇÃO. Um exemplo está em Mateus, 16:13 a 14, onde Jesus perguntou aos discípulos:

"QUE ANDAM DIZENDO DE MIM?"

E eles responderam:

"UNS DIZEM QUE O SENHOR É JOÃO BATISTA, OUTROS DIZEM QUE É JEREMIAS OU UM DOS PROFETAS."

Por que Buscamos Jesus na Casa Religiosa?


Emmanuel afirma no livro A Caminho da Luz, psicografia de Francisco Cândido Xavier, que Jesus é o governador de nosso planeta. Tem a tarefa de conduzir as coletividades que aqui evoluem desde que a Terra desprendeu-se do Sol, massa de fogo incandescente, há aproximadamente quatro bilhões e quinhentos milhões de anos. Preposto de Deus, Jesus foi convocado pelo Criador para essa elevada missão. Encarnou na Terra uma única encarnação. Foi criado simples e ignorante, ou seja, sua evolução não aconteceu em linha reta como muitos acreditam. Porque os desacertos fazem parte de nosso aprendizado. 

Tipos de Sonhos


TIPOS DE SONHOS - Therezinha Oliveira
 
Há 3 tipos de sonhos: fisiológicos, psicológicos e espirituais
Fisiológico: é aquele que dramatiza algo que acontece com nosso corpo. Se está frio e nos descobrimos, sono pesado, sem despertar poderemos nos ver num campo de neve, tiritando. Pessoas com incontinência urinária sonham que estão satisfazendo essa necessidade fisiológica, enquanto molham a cama. 

Sono e Sonhos na Visão Espírita


É no momento do sono que nosso espírito se desprende do corpo físico, permanecendo ligado por um cordão fluídico, e assume suas capacidades espirituais.
Como está descrito no Evangelho Segundo o Espiritismo, "o sono foi dado ao homem para a reposição das forças orgânicas e morais. Enquanto o corpo recupera as energias que perdeu pela atividade no dia anterior, o espírito vai se fortalecer entre outros espíritos".

sábado, 17 de agosto de 2013

Percepções, Sensações e Sofrimentos dos Espíritos


A Espiritualidade afirma que, quando de volta para o mundo dos Espíritos, a alma conserva as percepções que tinha quando encarnada na Terra, e que desabrocham-lhes outras, porque o corpo funciona como um véu, obscurecendo-a.
Sobre esta questão, Allan Kardec realizou em “O Livro dos Espíritos”, um estudo denominado: “Ensaio Teórico da Sensação nos Espíritos”. Devido à importância do tema e da profundidade deste estudo realizado pelo Codificador, vamos fazer um resumo do mesmo, mas deixando claro que para uma boa compreensão do tema, melhor seria um estudo completo do texto que corresponde à questão 257 da obra citada.

Espíritos Protetores


Os anjos são seres que percorreram todos os graus da evolução


1. Para se entender o que representam os “anjos da guarda” ou os “protetores espirituais” em nossa vida, é preciso em primeiro lugar rememorar o significado da palavra anjo. Como já vimos, de acordo com o Espiritismo aqueles a quem chamamos anjos são criaturas de Deus que já percorreram todos os graus da evolução. Uns – revela a questão no 129 d´O Livro dos Espíritos – aceitaram sua missão sem murmurar e chegaram mais depressa ao seu destino; outros levaram mais tempo.

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Ocupações e missões dos Espíritos

O Livro dos Espíritos


Parte Segunda – Capítulo 10


Ocupações e missões dos espíritos


558 Os Espíritos fazem outra coisa além de se aperfeiçoar individualmente?
– Eles concorrem para a harmonia do universo ao executar os desígnios de Deus, de quem são os ministros. A vida espírita é uma ocupação contínua, mas não é sofrida, como na Terra, porque não há o cansaço corporal, nem as angústias da necessidade.

559 Os Espíritos inferiores e imperfeitos também cumprem um papel útil no universo?
– Todos têm deveres a cumprir. O último dos pedreiros não participa na construção de um edifício tanto quanto um arquiteto? (Veja a questão 540.)

A influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos


A influência dos Espíritos pode ser boa ou má


1. A influência que os Espíritos exercem sobre os nossos pensamentos e ações no dia-a-dia é muito maior do que nós imaginamos, porquanto em muitas vezes são eles que nos dirigem. Essa influência pode ser boa ou má, oculta ou ostensiva, fugaz ou duradoura, mas, em qualquer situação, ela só se concretiza por meio da sintonia que se estabelece entre os indivíduos.


“Os guerreiros se preparam para serem conscientes, e a total consciência vem a eles somente quando não há mais nenhuma auto-importância restando neles. Somente quando eles são nada é que eles se tornam tudo.” Carlos Castaneda